Ginkgo Biloba, um poderoso aliado para sua saúde. Turbine seus Treinos.

Ginkgo Biloba, um poderoso aliado para sua saúde. Turbine seus Treinos.

Ginkgo Biloba, nesta matéria você saberá para que serve, seus benefícios, efeitos colaterais e indicações.

De origem chinesa a árvore de Ginkgo Biloba é utilizada na medicina a milhares de anos prevenindo vários problemas de saúde, e atualmente vem sendo usada para aumentar o fluxo sanguíneo e melhorar a memória.

Propriedades do Ginkgo Biloba

Mais antiga do que você imagina a Ginkgo Biloba já está presente entre nós a muitos anos e por causa de seus benefícios está sendo estudada por ter em suas folhas componentes que fazem bem à saúde.

As folhas de Ginkgo Biloba contém flavonóides e terpenóides que são antioxidantes e combatem os radicais livres que fazem mal a nosso organismo

Para que serve o Ginkgo Biloba

A Universidade de Maryland nos Estados Unidos diz que a Ginkgo Biloba melhora as complicações da circulação do sangue em nosso organismo, pode também prevenir e tratar doenças neurodegenerativas, melhora a visão, reduz as dores menstruais e de TPM e aumenta a função cerebral.

Como funciona a Ginkgo Biloba

Com o passar dos tempos e os estudos feitos com a Ginkgo Biloba os resultados obtidos são que ela estimula a produção de óxido nítrico que nada mais é um gás que relaxa as artérias, dilata os vasos sanguíneos do corpo e aumenta o fluxo sanguíneo.

Com o aumento da circulação sanguínea consequentemente o funcionamento cerebral, a visão, o sistema auditivo terão efeitos benéficos.

Folhas X sementes

As propriedades que fazem bem a nossa saúde da Ginkgo Biloba estão na folha pois ali se concentra os principais nutrientes, as sementes não devem ser consumidas pois são tóxicas por isso não são utilizadas para fabricar suplementos para o consumo de pessoas.

Benefícios do Ginkgo Biloba

Ginkgo Biloba

Você já deve ter percebido que a Ginkgo Biloba possui inúmeras propriedades e benefícios para nossa saúde e boa forma, porém veja aqui uma lista de mais 9 benefícios para quem a consome.

Relaxa e alivia o stress

Conta estresse e depressão nada melhor que reduzir o estresse e o ritmo, porém nem sempre é fácil fazer isso sem ajuda médica, mas se você quer uma ajuda natural a Ginkgo Biloba pode lhe ajudar.

Para você que precisa diminuir a tensão e as variações de humor com o Ginkgo Biloba você terá bons resultados pois existem estudos controlados com alguns pacientes, os que receberam o tratamento com a planta souberam melhor lidar com o estresse, pois este resultado se obteve pois o Ginkgo Bilob tem ação nos hormônios do estresse em especial o cortisol e adrenalina.

Por isso que a planta é classificada como uma adaptógeno, pois de maneira natural faz com que o organismo suporte de uma forma mais eficaz os picos de estresse e situações de preocupação. Com uma orientação médica quem tem este tipo de problema como transtorno de ansiedade generalizada, depressão, ataques de pânico ou mesmo fobia social pode se beneficiar.

Alivia os sintomas da TPM

Principalmente as mulheres que sofrem com alterações de humor, cólicas e inchaço durante o período menstrual podem se beneficiar com a Ginkgo Biloba. Estudo publicado em 2009 no jornal The Journal of Alternative and Complementary Medicine, as mulheres que tomaram o suplemento 3x ao dia tiveram um alívio dos sintomas da TPM.

Tratamento natural para a impotência

De forma alguma o Ginkgo Biloba pode ser trocado pelos tratamentos atuais ou a pílula azul, mas a planta pode ser usada no tratamento. A baixa circulação do sangue no pênis é um dos problemas da impotência que pode ser Inclusive a resultante de uma arteriosclerose e como a planta aumenta a circulação do sangue que sofre deste mal pode se beneficiar dos resultados.

A melhora não será somente a duração, mas a qualidade da ereção pois já tiveram testes clínicos que comprovaram que a suplementação por um período de 6 meses fez alguns pacientes ter melhoras nos quadros de impotência.

Diminue caimbras nas pernas

A claudicação intermitente é a sensação de cãibras nas pernas que são atenuadas quando as pessoas fazem exercícios, percorrem grandes distâncias ou são sedentárias. A dores aparecem por uma interrupção do fluxo de sangue para as artérias dos membros inferiores, as células recebem menos oxigênio com isso acabam tendo acúmulo de ácido lático causando as câimbras.

A Ginkgo Biloba estimula a circulação sanguínea desbloqueando possíveis pontos que estão com arteriosclerose nas pernas. Foi publicado no American Journal of medicine em 2000 o resultado de uma metanálise contendo 8 estudos que avaliou os efeitos da claudicação intermitente em pacientes que consumiram a Ginkgo Biloba.

O resultado foi que 7 dos 8 pacientes tiveram um rendimento melhor nos testes de distância, sendo assim a planta diminui as dores nas pernas pois aumenta o fluxo de sangue nos membros inferiores e reduz o acúmulo dos compostos que causam a dor.

Parkinson

Pesquisadores acreditam que a falta de oxigenio no cerebro pode ser um dos fatores que fazem com que as pessoas tenham tremores, falta de coordenação muscular e o enrijecimento que são sintomas pertinentes da doença de Parkinson.

Bem provável que o usa da Ginkgo Biloba juntamente com os outros tratamentos possa reduzir os sintomas porque o consumo irá aumentar a circulação sanguínea para o cérebro resultando em mais dopamina circulando nas áreas dos neurotransmissores que mais necessitam.

Visão

Alguns testes iniciais mostraram que a Ginkgo Biloba reduz o dano oxidativo causado a córnea e a retina. Na Itália um teste com 27 pessoas que tinham glaucoma receberam 120mg da planta durante 8 semanas e tiveram melhoras em sua visão.

Perda de peso

Alguns defensores do uso da planta dizem que a Ginkgo Biloba ajuda no tratamento de emagrecimento pois ela possui alto teor de flavonoides que você também encontra no chá verde que já foi comprovado que aumenta seu metabolismo, também possui terpenóides que aumenta o fluxo sanguíneo. Um dos vários benefícios de se fazer exercícios é aumentar a circulação sanguínea e alguns pesquisadores acreditam que o terpenóides que auxilia neste aumento possa também favorecer as pessoas em dietas de emagrecimento.

Melhor a memória e a função cognitiva

Uma vez que foi comprovado que a Ginkgo Biloba aumenta o fluxo sanguíneo dezenas de estudos apareceram mostrando uma relação do uso da planta e o resultado de melhoras na concentração e capacidade cognitiva.

A planta de o poder de reduzir a fadiga mental e melhora o desempenho dos órgãos, mas não apenas por estimular a circulação sanguínea que ela é benéfica para o cérebro. As propriedades neuroestimulantes do composto se deve por causa da presença de antioxidantes que reduzem a inflamação e ajudam a diminuir o estresse oxidativo que é causado pelo envelhecimento por causa das doenças degenerativas.

Pesquisas feitas na Universidade de Munique na Alemanha mostraram que adultos com saúde que fizeram uso da planta tiveram boas melhoras no funcionamento cerebral após consumirem por um período de 4 semanas a Ginkgo Biloba. Estes pacientes tiveram uma melhora no desempenho motor e na estabilidade emocional. E em outros estudos o consumo de 24mg ao dia além de benefícios para a memória tiveram uma melhora positiva nos sintomas do transtorno do Déficit de atenção com hiperatividade.

Alzheimer acetilcolina

É um neurotransmissor que age especialmente no hipocampo um pequeno sistema localizada nos lobos temporais do cérebro considerada a essencial matriz da nossa memória.

A acetilcolina permite a comunicação dos neurônios e na formação da memória e baixos níveis de neurotransmissores tem sido associado ao Alzheimer.

Alguns testes mostraram que o uso da planta aumenta a capacidade da acetilcolina de se ligar um receptor melhorando sua atuação cerebral, seu uso diário vai fazer o cérebro absorver mais acetilcolina assim ficando mais protegido contra o Alzheimer e qualquer outra doença relacionada a queda da função neurológica.

Publicado na Human Psychopharmacology um estudo onde os participantes não sabiam quem estava recebendo a Ginkgo Biloba e quem estava recebendo algum placebo pessoa com Alzheimer que fizeram uso por um período de 3 meses mostraram melhoras significativas em seus níveis de atenção função cognitiva e memória.

Para quem é indicado de Ginkgo Biloba

Ginkgo Biloba

O consumo pode ser feito por pessoas de qualquer idade pois a Ginkgo Biloba melhora as funções do cérebro, aprimora a memória e aumenta o desempenho cerebral nas tarefas cognitivas e melhora a circulação do sangue nos membros inferiores.

Também indicada para quem sofre de hemorróidas, asma, fibromialgia, dores de cabeça e impotência, falta de libido, má circulação e qualquer problema relacionado a má circulação do sangue no corpo.

Efeitos colaterais da Ginkgo Biloba

Conforme a Mayo Clinic diz o uso de Ginkgo Biloba por um período de 24 semanas não tem risco algum para sua saúde, alguns indivíduos podem apresentar sintomas como dores de estômago, coceira na pele, tontura e dores de cabeça.

Porém a Universidade de Maryland existem relatos que estes problemas não tem relação alguma com o uso da planta, mas apenas uma correlação de hemorragia interna em indivíduos que estavam fazendo consumo do suplemento.

Outros efeitos colaterais pode sem a queda de pressão, diminuir os níveis de insulina no sangue, prisão de ventre e alteração do trânsito intestinal e deve ser evitado por pessoas que estejam tomando algum tipo de anticoagulantes.

Como tomar Ginkgo Biloba

Nos dias de hoje a orientação é ingerir de 80mg, no máximo 240mg de Ginkgo Biloba ao dia, em maior parte as principais pesquisa sobre o Ginkgo Biloba utilizam as doses maiores para avaliação dos benefícios da planta isto visto que determinadas características só se manifestam no momento em que o produto é empregado em concentrações elevadas, acima de 120mg ao dia.

Dessa maneira caso você pense em usar o suplemento para uma condição específica converse com seu médico sobre o consumo de Ginkgo Biloba 3 vezes ao dia, 3 cápsulas de 80mg cada, e para evitar desconfortos gástricos tome o suplemento ao longo as principais refeições.

Sugestão de receita com Ginkgo Biloba

Chá de ginkgo biloba

Tempo de preparo: 10 minutos

Tome o Chá de ginkgo biloba 2x ao dia para alcançar os resultados pretendidos

ingredientes

  • 1 Colher de sopa das folhas de ginkgo biloba fatiadas
  • 2 Copos de água fervendo

modo de preparo

Deixe por 15 minutos em um recipiente abafado e depois coe. Não deixe ferver para não perder as propriedades do chá.

Informações nutricionais da Ginkgo Biloba

nutriente valor por cada 100g
Calorias 182
Gorduras Totais 1,7 g
Gorduras Saturadas 0,3 g
Gorduras Poliinsaturadas 0,6 g
Gorduras Monoinsaturadas 0,6 g
Colesterol 0 mg
Sódio 7 mg
Potássio 510 mg
Carboidratos 38 g
Proteínas 4,3 g
Vitamina A 558 IU
Cálcio 2 mg
Vitamina D 0 IU
Vitamina B12 0 µg
Vitamina C 15 mg
Ferro 1 mg
Vitamina B6 0,3 mg
Magnésio 27 mg
Gostou? Então Compartilhe a Matéria

Curtiu? Então Comenta!!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nome*
E-mail*