5 Ervas que ajudam o corpo durante as exigências e transformações da menopausa ajudam Menopausa

Quais as ervas que ajudam com os sintomas da menopausa?

As ervas que ajudam com os sintomas da menopausa são:

  • Cimicífuga (Black cohosh) – Actaea racemosa
  • Hipérico – Hypericum Perforatum
  • Trevo vermelho – Trifolium pratense Fitoestrogênios
  • Sálvia – Salvia officinalis
  • Melissa – Melissa officinalis

Cimicífuga (Black cohosh) – Actaea racemosa

Tratamento comprovado para ondas de calor. O extrato da erva norte-americana cimicífuga (Black cohosh) vem sendo usado para aliviar os sintomas da menopausa há mais de 50 anos.

Objeto de numerosos testes clínicos, o extrato de cimicífuga tem demonstrado melhorias significativas em sintomas como ondas de calor, suores noturnos, insônia, depressão e ansiedade.

Ela é especial mente eficaz contra os calores, que a maioria das mulheres considera ser o aspecto mais incômodo da menopausa. Pesquisas indicam que as ondas de calor podem ser reduzidas em até 50% depois de apenas quatro semanas de terapia com um extrato padronizado de cimicífuga.

Quando tomado sob supervisão médica, esse extrato pode ser benéfico para mulheres que não podem se submeter a tratamentos com estrogênio ou que preferem alternativas naturais.

Dosagem correta para tomar da Cimicífuga (Black cohosh) – Actaea racemosa

Tome comprimidos de cimicífuga pelo teor padronizado de glicosídeos triterpênicos, segundo as instruções do fabricante ou conforme receita médica. Pode levar até três meses para os sintomas começarem a melhorar.

Hipérico - Hypericum Perforatum
Hipérico – Hypericum Perforatum

Hipérico – Hypericum Perforatum

Alivia a ansiedade e a depressão. Ao mesmo tempo que a cimicífuga é eficaz no tratamento de ondas de calor, suores noturnos e insônia, seus efeitos contra a ansiedade e a depressão que às vezes chegam com a menopausa são menos marcantes.

Por isso, fitoterapeutas costumam receitá-la junto com o hipérico para mulheres cujos sintomas incluem transtornos emocionais.

Quando as duas ervas foram tomadas em conjunto por ocasião de um estudo, em 2006, melhoras se fizeram notar tanto para os sintomas psicológicos quanto para os físicos. Em outra pesquisa, o hipérico sozinho reduziu bastante os sintomas da menopausa em mulheres cujas principais queixas eram relacionadas ao humor.

Dosagem correta para tomar do Hipérico – Hypericum Perforatum

Compre suplementos padronizados pelo teor de hipericina e hiperforina, os principais componentes ativos, com uma dose diária de 900 mg por dia do extrato concentrado (6:1), equivalente a 5,4 g da erva desidratada. Tome os suplementos por um mês.

Menopausa e derivados de soja
Menopausa e derivados de soja

Menopausa e derivados de soja

Alimentos à base de soja são a principal fonte alimentar de fitoestro gênios, compostos vegetais cujos efeitos são parecidos com os do estrogênio no corpo. Os fitoestrogênios da soja ajudam a reduzir os sintomas da menopausa e parecem ter efeitos protetores contra alguns dos estados de saúde associados.

A soja em grãos, a farinha de soja, o missô, o tofu e o tempeh podem complementar as pequenas quantidades de fitoestrogênios obtidas de outras fontes alimentares.

Outra alternativa são os suplementos que contêm fitoestrogênios concentrados (conhecidos por isoflavonas), hoje amplamente disponíveis, e quase todas as pesquisas os indicam como estratégia eficaz para reduzir calores e suores noturnos.

O consumo dos fitoestrogênios da soja em níveis mais altos do que o uso culinário pode não ser benéfico para mulheres com certos problemas de saúde ou que estejam tomando alguma medicação, então converse com seu médico antes de tomar um suplemento de soja.

Trevo vermelho – Trifolium pratense Fitoestrogênios

O trevo-vermelho é um exemplo interessante de erva cuja aplicação moderna é muito diferente dos seus usos históricos.

Enquanto os capítulos florais há muito vêm sendo vistos como um remédio desintoxicante para problemas de pele, a descoberta relativamente recente de que as folhas contêm fitoestrogênios similares aos da soja fez com que o trevo-vermelho passasse a ser visto mais como próprio do tratamento para a menopausa.

Testes que investigaram os efeitos de fitoestrogênios do trevo-vermelho produziram resultados ambíguos, embora haja indicações de que ele possa prevenir o declínio da saúde cardiovascular e óssea que muitas mulheres vivenciam após a menopausa.

Dosagem correta para tomar do Trevo-vermelho – Trifolium pratense Fitoestrogênios

Tome isoflavonas de trevo-vermelho de preparação comercial em doses de 40 a 86 mg por dia, ou conforme receitado pelo seu médico.

Sálvia - Salvia officinalis
Sálvia – Salvia officinalis

Sálvia – Salvia officinalis

Tradicionalmente usada para aliviar as ondas de calor. A sálvia não só é popular na culinária como também é muito usada como remédio para o alívio de ondas de calor.

É rica em taninos, que lhe conferem propriedades adstringentes e confirmam seu uso para reduzir secreções corporais excessivas. Além de ondas de calor, essas propriedades secativas podem beneficiar outros sintomas da menopausa, como suores noturnos e menstruações com sangramento excessivo.

Estudos demonstram que alguns compostos presentes na sálvia possuem efeitos estrogênicos, que explicam seu uso na menopausa.

Dosagem correta para tomar da Sálvia – Salvia officinalis

Faça uma infusão de 1 a 4 g de sálvia desidratada em água fervente; tome três xícaras ao dia.

Melissa - Melissa officinalis
Melissa – Melissa officinalis

Melissa – Melissa officinalis

Combate a ansiedade, a insônia e auxilia a concentração A melissa é ideal para mulheres que se preocupam demais ou se tornaram mais estressadas durante e após a menopausa.

Suas propriedades relaxantes também ajudam nos transtornos de sono. A melissa é um calmante natural e pode ajudar a melhorar o humor quando você estiver emocional mente esgotada. Tem sido usada ainda para promover a função mental e pesquisas indicam que pode melhorar a memória e a concentração.

Dosagem correta para tomar da Melissa – Melissa officinali

Faça uma infusão de 1 a 2 colheres de chá das partes aéreas frescas da melissa em água fervente; tome 1 xícara duas a três vezes ao dia; a última, 30 a 60 minutos antes de dormir.

Advertências sobre as Ervas que ajudam o corpo durante as exigências e transformações da menopausa ajudam Menopausa

  • Não tome nenhuma das ervas aqui listadas se tiver histórico de tumores sensíveis a hormônios, endometriose ou miomas uterinos, a não ser sob supervisão de um médico.
  • Não tome cimicífuga se estiver fazendo uso de remédios receitados, a não ser sob supervisão médica.
  • Não tome cimicífuga, a não ser sob supervisão médica, se tiver histórico de problemas hepáticos, pois alguns especialistas acreditam que ela possa causar danos graves ao fígado.
  • Essas ocorrências são bem raras, mas potencialmente graves.
  • Se você tiver efeitos colaterais amenos, como um transtorno gástrico reversível e problemas dermatológicos, pare de usar a erva e procure um médico.
  • Não confunda a cimicífuga (ou Black cohosh) com o Blue cohosh (Caulophyllum thalictroides), que só deve ser tomado sob supervisão médica.
  • Não tome as isoflavonas do trevo-vermelho se estiver fazendo uso de warfarin ou de medicamentos anticoagulantes, a não ser sob supervisão médica.
  • Devido à sua natureza adstringente, já houve relatos de que o chá de sálvia causou secura e irritação na boca.
  • Se isso ocorrer, experimente reduzir a dose de sálvia com relação à quantidade de água usada e certifique-se de que está tomando muita água no decorrer do dia.
  • A sálvia pode reduzir a absorção de minerais como cálcio e ferro; espace as dosagens em pelo menos duas horas.
  • A melissa pode interagir com algumas medicações farmacêuticas; consulte seu médico antes de tomá-la.
  • Para uso seguro e apropriado do hipérico, ver Depressão e ansiedade.
  • Não consuma as ervas medicinais aqui listadas se estiver grávida ou amamentando, a não ser sob recomendação médica.

Gostou? Comenta aqui oque Achou!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *