Acabe com a Retenção de Líquidos e Inchaço Abdominal e Corporal com o Hibisco

Acabe com a Retenção de Líquidos e Inchaço Abdominal e Corporal com o Hibisco

Os motivos são bem variados. Pode ser consumo de sal em exagero, corpo desidratado, sedentarismo, refeições com comidas de difícil digestão, mau funcionamento dos rins, complicações gastrointestinais e cardiovasculares. Porém o que não muda é o incômodo causado por uma barriga estufada ou pele rígida por causa do inchaço abdominal ao inchaço.

E estes são somente alguns dos sinais da retenção hídrica. Praticamente conhecida como edema. O corpo é responsável em moderar estes líquidos extras, os mecanismos são bastante sofisticados, porém qualquer desequilíbrio desse mecanismo pode provocar à presença do inchaço.

As soluções para solucionar essa forma de dificuldade precisam ser encontradas, de preferência, com a auxilia de profissionais especializados. Por outro lado, a ciência já comprovou os benefícios de algumas substâncias na prevenção e no alívio dos efeitos da retenção hídrica. E o hibisco é uma planta rica em algumas delas.

Origem do Inchaço abdominal e do corpo

Acabe com a Retenção de Líquidos e Inchaço Abdominal e Corporal com o Hibisco

Retenção de líquidos no corpo ocorre por causa da pressão dentro dos vasos (pressão hidrostética) e à diminuição de proteínas no sangue (pressão oncótica).

Junto, estes elementos facilitam a passagem de líquidos do vaso sanguíneo para o espaço fora da célula (do vaso). Com isto, surge o inchaço abdominal.

O inchaço abdominal, palavra usada para sugerir o crescimento de uma determinada região por líquidos, incide com maior freqüência nas extremidades do corpo, ou seja, nos braços e pernas.

Os tipos mais conhecidos são o comum, criado pelo acúmulo de água e sal, o linfedema e o mixedema.

O excesso de linfa causa o linfedema, enquanto as proteínas geram o mixedema

A linfa é um fluido que faz parte de uma malha de vasos que percorrem o corpo removendo as e resíduos. Para o diagnóstico é necessário avaliação de consistência, flexibilidade, temperatura, sensibilidade e outras alterações de pele.

Além disso, o inchaço também pode acontecer por complicações digestivos, como a alergia a gluten ou a intolerância à lactose.

O Hibisco ajuda na diminuição do inchaço

Acabe com a Retenção de Líquidos e Inchaço Abdominal e Corporal com o Hibisco

Uma das características do hibisco é a presença de quercetina, substância que auxilia a afastar o inchaço por excesso de líquidos. Trata-se de um rico flavonóide antioxidante.

Pesquisas demonstram sua eficácia na redução de doenças cardiovasculares, com resultado antitrombótico e vasodilatador, protegendo veias e artérias e mantendo uma ótima circulação sanguínea.

A quercetina tem mais benefícios. Por ser um anti-inflamatório, contribui para proteger-se acidentes vasculares cerebrais (avc) e arteriosclerose (redução da flexibilidade ou endurecimento das artérias) outro agente fundamental e evidenciado em pesquisas é a atuação do hibisco no aldosterona, hormônio secretado pelas glândulas suprarrenais que regulam o balanço eletrolítico do corpo, o que leva à ação diurética.

O ideal é que o indivíduo procure orientação de um nutricionista para avaliar seu histórico clínico.

Atenção! A bebida feita à partir do hibisco, quente ou gelada, não é a melhor opção para acabar com o estufamento causado por gases para isto, a erva-doce pode ser mais eficaz.

O uso correto do hibisco acaba com o inchaço

Para acabar com o inchaço de uma vez por todas além de utilizar corretamente o hibisco, alguns hábitos precisam ser levados em conta. Entre eles está evitar o uso abundante de carnes vermelhas, que pesam e dificultam a digestão.

Dê preferência a carnes brancas e magras, como peixes. Consuma mais legumes, verduras e frutas. Boas opções são espinafre, pepino, agrião, abacaxi e melancia.

Você também precisa ingerir muita água, cerca de 2 litros por dia e fazer pelo pouco 30 minutos de exercícios físicos, como caminhadas, no mínimo quatro vezes por semana. È bom para acelerar a circulação conta.

Procure um especialista antes de ingerir o hibisco

Atenção! Antes de beber o hibisco com frequência para combater inchaços, consulte seu médico ou nutrólogo.

A partir do seu histórico, é possível saber a quantidade da bebida que você pode ingerir. Alguns indivíduos são bem sensíveis e sentem algum desconforto gástrico com a infusão do hibisco ou não sentem nada e aí que pode acontecer o abuso.

Atenção também com as indivíduos que fazem o uso de diuréticos (remédios), uma vez que pode dificultar o quadro e provocar a mais sérios complicações, como uma redução grande de eletrólitos.

Saiba mais sobre a retenção de líquidos

É bastante comum qualquer mulher reclamar que seu manequim aumentou ao longo o período menstrual. E com razão! O que ocorre é que, por causa de à ação e variação hormonal características desse período, as mulheres estão mais sujeitas a sofrerem com este dificuldade. Porém isto não pretende dizer que os homens não são afetados.

Eles são capazes de apresentar inchaços por causa de distúrbios como doenças renais, cardíacas ou da bexiga, bem como o hipotireoidismo (não-controlado). No caso das mulheres além desses elementos, há outros como o período pré-menstrual e o consumo de anticoncepcional atribuído ao estrogênio que retém líquido no corpo.

Continuar bastante tempo de pé ou sentada e roupas apertadas e salto alto também são capazes de acentuar este mal.

A quercetina presente no hibisco possui resultado diurético, então dentro de um ambiente de alimentação saudável e equilibrada é um ótimo antioxidante.

Curtiu? Então Comenta!!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *