Controle o Colesterol com uma Alimentação Correta

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  • 15
  •  
    16
    Shares
Controle o Colesterol com uma Alimentação Correta

Apesar da má fama, o colesterol é fundamental para muitas funções do organismo, ele facilita a entrada e saída de nutrientes nas células, atua na síntese de hormônios e de vitamina D, e ainda integra a bainha de mielina, estrutura do cérebro importante para a troca de informações entre os neurônios.

É tão importante que o próprio corpo, através do fígado, se encarrega de produzir cerca de 70% do colesterol presente na corrente sanguínea, o restante é fornecido pelos alimentos.

Aí podem começar os problemas, uma vez que se ingerido em excesso, ele começa a se acumular nas artérias, provocando doenças cardiovasculares.

Esse descontrole nas taxas pode ser causado por diferentes fatores, muitas vezes associados, como genética, má alimentação e sedentarismo.

Qual os tipos e qual a diferença entre colesterol bom e ruim?

O colesterol é um álcool não solúvel no sangue, que se comporta como gordura. Para circular pelo organismo, ele precisa de veículos as lipoproteínas, que podem ser de dois tipos:

  • LDL (ou lipoproteína de baixa densidade), conhecida como “colesterol ruim”, que, em excesso, pode se acumular nas paredes das artérias;
  • HDL (ou lipoproteína de alta densidade),chamada de”bom colesterol”, pois funciona como faxineiro, ao capturar o LDL e levá-lo de volta ao fígado.

A alimentação é essencial para manter as taxas de colesterol sob controle. E importante evitar carnes gordurosas, que são a principal fonte de LDL, assim como frituras.

De outro lado, é preciso ter sempre à mesa alimentos que combatem o colesterol ruim e melhoram o HDL.

Importante para manter o organismo funcionando bem, o colesterol em excesso pode ser um veneno para a saúde do coração

Alimentos que combatem o colesterol ruim

Alimentos que combatem o colesterol ruim

Berinjela

A berinjela é rica em antocianina, um pigmento que dá a cor roxa ao legume e que reduz a formação de coágulos no sangue, melhorando a circulação. Além disso, fornece boa quantidade de fibras, responsáveis pelo controle do colesterol

Azeite

Contém ômega 3 e ômega 9, as chamadas “gorduras do bem”, que reduzem o LDL e aumentam o HDL. Também é boa fonte de compostos fenólicos, substâncias antioxidantes que previnem a formação de placas de gordura nas artérias.

Alho

O alho fornece uma substância chamada alicina, que age como antioxidante, contribuindo assim na redução do colesterol total e dos triglicerídios. A alicina também está presente na cebola e no alho-poró.

Peixes: salmão, atum, sardinha, arenque e outros peixes de água fria fornecem ômega 3, substância importante no controle das taxas de colesterol. Ainda são fontes de proteínas de alto valor biológico, potássio e cálcio.

Uva

Especialmente as vermelhas e roxas, concentram substâncias antioxidantes, como o resveratrol, ao qual são atribuídos inúmeros benefícios, como redução do colesterol ruim, prevenção do envelhecimento das células do coração e controle da pressão arterial.

Abacate

Um dos principais nutrientes desta fruta é o ômega 3, conhecido como auxiliar no controle da pressão arterial e das taxas de colesterol, o que fortalece o coração.

Curtiu? Então Comenta!!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *