20 Dicas para Você Perder Peso Definitivamente

20 Dicas para Você Perder Peso Definitivamente

1. Porções menores

Certamente vão ajudar na perda de peso. Mas pode acontecer de você ter a sensação de fome apenas porque está vendo uma pequena quantidade de comida em seu prato. Eis um truque: coloque suas refeições em um prato menor, por exemplo em um prato de sobremesa.

Assim, uma porção pequena não parecerá tão pequena. Se você vir um prato cheio, seu cérebro vai registrá-lo como uma refeição completa, e você não sentirá tanta fome quando terminá-la. Experimente também usar talheres menores

2. Não beba álcool

Quando estiver jantando fora ou em alguma festa, tente se abster de álcool. Se não for possível, beba com moderação, mas lembre-se de que o álcool contém muitas calorias escondidas, além de estimular o apetite.

O organismo queima primeiro as calorias fornecidas pelo álcool e envia o resto (salgadinhos ingeridos junto com a bebida, por exemplo) para ser armazenado em forma de gordura.
Alterne doses de bebida alcoólica com refrigerante para reduzir o efeito.

3. Comer somente frutas não fará você emagrecer

Não baseie sua dieta predominantemente em frutas. E insuficiente para suprir as necessidades de vitaminas do corpo e, apesar de conter menos calorias do que um sorvete, por exemplo, algumas frutas têm valor calórico alto, como o abacate e a banana.

4. Descubra a cozinha japonesa.

Essa tradição milenar vem conquistando cada vez mais interessados em uma alimentação light, com sabor exótico. A comida japonesa é saudável porque é feita com pouca gordura.

A maioria dos pratos é preparada à base de peixes frutos do mar – além de serem usados ingredientes que deixam as refeições leves, como algas marinhas, soja, broto de bambu, cogumelos e gengibre.

Além de ser uma alimentação com baixo teor de calorias, o iodo presente nos frutos do mar e nas algas também favorece o processo de emagrecimento.

5. Se não puder evitar, beba os dietéticos

Refrigerantes dietéticos são uma boa alternativa para quem não pode tomar bebidas com açúcar e são um aliado para os que desejam emagrecer. A substituição do açúcar pelo adoçante faz com que um copo de refrigerante diet tenha menos de 2 calorias, em contraste com as 110 calorias de um refrigerante normal.

Não pense, porém, que pode abusar desse tipo de bebida. Consumir refrigerante diet com freqüência pode prejudicar a saúde, devido aos adoçantes ou açúcares artificiais e mais produtos químicos nele contidos, como cafeína e ácido fosfórico.

6. Troque a pipoca tradicional pela pipoca light

Alguns fabricantes já lançaram esse novo produto, sem a manteiga que costuma vir misturada ao milho. Faça a comparação: 1 xícara de chá de pipoca light tem 81 calorias. A mesma medida da tradicional para microondas tem 110 calorias.

Se estiver fazendo pipoca da maneira tradicional, coloque o milho em um recipiente com tampa na proporção de 1 xícara de café para 1 colher de sopa de água.
Leve ao microondas na potência alta por 30 minutos.

7. Cuidado com as promessas milagrosas de algumas dietas

Acredite em fórmulas de dieta que servem para qualquer tipo de pessoa. Pesquisas feitas na área de nutrição estimam que metade das mulheres ocidentais tenha feito algum tipo de regime.

Hoje se sabe que grande parte dessas dietas não tem fundamento algum. Além de muitas dietas não funcionarem, descobriu-se que o excesso delas pode causar doenças como a bulimia e a anorexia nervosa, que hoje atingem milhares de pessoas em todo o mundo.

8. Elimine o café e o cigarro

Faça o possível para eliminar o café e os cigarros da sua rotina diária. A cafeína e a nicotina contrai os vasos sanguíneos, reduzindo a capacidade de o seu corpo usar eficientemente as calorias, além de favorecer o aparecimento de celulite.

Se você consome pouca quantidade dessas substâncias, pare agora. Se a quantidade for grande. não espere ser capaz de cortá-las completamente do dia para a noite, pois causam muita dependência. Mas comece a fazer planos para se livrar delas.

9. Não confunda produtos diet com light

Muitas pessoas acreditam que são a mesma coisa e que ambos são indicados para quem quer emagrecer. Nada mais errado!

Alimentos diet são orientados principalmente para quem não pode ingerir açúcar, como os diabéticos. Os sorvetes dietéticos, por exemplo, não contêm açúcar, mas possuem alto teor de gordura.
Por outro lado, um produto light é aquele que apresenta valor calórico reduzido em um mínimo de 25% em relação ao normal.

Sempre leia a embalagem dos produtos que for comprar. Se houver dúvidas, não se esqueça de que muitas empresas possuem um centro de atendimento ao consumidor. Ligue e se informe sobre o produto em questão, ou fale com um nutricionista para melhor esclarecimento.

10. Cuidado com o dia do lixo

Não caia no erro cometido por muitas pessoas que estão sob dieta: controlar a alimentação da segunda à sexta-feira e comer o que quiser no fim de semana. O processo de emagrecimento deve ser constante e sem interrupções. A cada parada, o organismo tem de se adaptar novamente, e tudo recomeça do zero.

Portanto, se você deseja alcançar seus objetivos com relação à perda de peso, deverá manter a dieta uniforme de segunda a segunda.

11. Beba água de coco

Quando possível, beba água-de-coco em lugar dos sucos de frutas mais calóricas e dos refrigerantes. Sendo a água-de-coco uma bebida leve, saudável e baixa em calorias, faz bem para a pele além de ajudar a manter a boa forma.

12. Coma peixe pelo menos três vezes na semana

É o que os especialistas em nutrição recomendam, porque o peixe é tão nutritivo quanto a carne e bem mais pobre em gorduras prejudiciais à saúde. Fonte de proteínas, o peixe ainda fornece minerais como iodo, fósforo, cálcio, magnésio, ferro e as vitaminas A, B e PP. Tem menos calorias do que as outras carnes, e sua digestão é mais fácil.

13. Use óleo de oliva

O óleo de oliva pode e deve ser usado nas dietas restritivas de gordura. É um tempero extremamente saudável, tem composição equilibrada de ácidos graxos e elevada presença de antioxidantes naturais (como o betacaroteno).

Ajuda a assimilar as vitaminas A, D, E e K presentes nas verduras. Mesmo que seja refinado, prefira o óleo de oliva a outros temperos.

14. Saia um pouco do convencional

Diversifique sua dieta, incluindo sopa em seu cardápio pelo menos três vezes por semana. Esse é um dos tipos de alimentos que aumentam a sensação de saciedade. Pode-se comer menos e se alimentar muito melhor, por causa da presença de vitaminas, minerais e fibras. Há opções para todos os gostos.

Prefira as mais leves e incremente o prato com legumes variados, de acordo com sua preferência e imaginação. A maioria das sopas dificilmente engorda. Em geral, fornecem ao corpo de 125 a 140 calorias por refeição.

15. Não faça mudanças drásticas

Faça-as gradualmente Será mais fácil adaptar-se às mudanças se feitas pouco a pouco. Ao invés de modificar todos os seus hábitos de alimentação de uma vez só, concentre-se em apenas um de cada vez.

Procure mudar um hábito em cada refeição, ou pelo menos um ao dia. Por exemplo, tente reduzir pela metade a quantidade de margarina que passa no pão ou troque por geleia. No almoço, em vez de batatas fritas, coma uma batata cozida. Assim, não será tão difícil mudar, e você não se privará tanto de sua dieta habitual.

16. Evite soluções rápidas.

Você pode jejuar e até passar fome para perder peso, mas estará perdendo água em vez de gordura. É impossível aprender hábitos saudáveis de alimentação passando fome.

Eventualmente, você terá de comer e fazer escolhas sadias para sua alimentação a fim de conservar o peso. Não é natural ficar com fome demais. E ineficiente, é perigoso à saúde e é uma garantia de fracasso além de levar automaticamente a uma desordem alimentar.

17. Não pule as refeições

Pular refeições pode levar a lanches não planejados e a padrões de alimentação pouco saudáveis. Você apenas irá aumentar sua ansiedade pela próxima refeição. Comer nas horas certas ajudará a prevenir a compulsão alimentar. Tente estabelecer uma rotina que inclua várias refeições nutritivas durante o dia.

Você consegue se controlar melhor quando seu estômago não está vazio. Em média, pessoas que conseguem emagrecer e manter o peso fazem 5 refeições diárias.

18. Coma o que seu corpo requer.

Certifique-se de que você está ingerindo o que seu peso e nível de atividade exigem para o seu corpo a fim de obter a energia necessária. Por exemplo, se você julga que pode perder peso com 1800 calorias diárias e ainda assim está tentando seguir uma dieta de 1200 calorias, prefira a primeira opção.

Você até poderá perder peso mais rapidamente com 1200 calorias, mas as chances de manter a dieta com 1800 calorias são muito maiores. A longo prazo, você poderá emagrecer mais se seguir uma dieta com mais calorias uma vez que vai se sentir mais satisfeito.

19. Não repita as refeições

Se você não conseguir resistir ao desejo de repetir a refeição, espere ao menos 5 minutos. A vontade poderá diminuir ou até desaparecer. Quando for se servir pela segunda vez, coloque no prato apenas metade da quantidade anterior.

20. Diga adeus aos refrigerantes

Refrigerantes são cheios de calorias vazias, os chamados carboidratos simples. O açúcar dispara a produção de insulina na corrente sangüínea, o que ocasiona armazenamento de gordura no corpo.

Além disso, essas bebidas carecem de importantes nutrientes, como as proteínas. Em vez de refrigerantes, prefira água e beba à vontade, pois é o único alimento que contém zero calorias.

O número de calorias que devem ser ingeridas para perda de peso corporal varia de pessoa para pessoa e requer tentativas até se chegar à quantidade ideal. primeiramente, tente descobrir cerca de quantas calorias você está consumindo no momento.

Se seu peso tem permanecido relativamente constante, então, essa quantidade é aproximadamente ideal para a manutenção do seu peso atual. Seu próximo objetivo será, então, criar um déficit calórico: procure reduzir ligeiramente sua ingestão de calorias ou aumente seu nível de atividades físicas, ou se dedique a ambos.

Curtiu? Então Comenta!!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *